Conhecendo a Influência de Algumas Cores nos Ambientes

As core possuem grande impacto sobre as nossas emoções, por essa razão são tão importantes nos processos de decoração de interiores. Ao saber usá-las de maneira adequada, os ambientes adquirem a sensação de amplitude, conforto, e tranquilidade. Embora quase todo mundo creia que harmonizar as cores em ambientes seja a tarefa mais fácil dentro de todas as etapas de uma decoração, a questão não é tão simples assim. Caso não se faça a harmonização correta das cores, e nem mesmo a escolha assertiva para cada ambiente – associada à personalidade dos moradores – a escolha de certas cores pode ter um efeito bem contrário ao que se espera.

 

É por isso que é tão importante saber o efeito que cada cor produz em nossas emoções. Algumas pessoas são mais afetadas pelo excesso de algumas cores do que outras. Vale então conhecer o gosto pessoal e aliar as propriedades de cada uma delas para a melhor harmonização dos ambientes.

 

Uma das cores que mais causa dúvida na hora de fazer ou não a opção por algum detalhe decorativo é o violeta, que também é conhecido como roxo. O violeta tende a levar os níveis de consciência para níveis mais elevados, sendo, portanto a cor da espiritualidade. Ela e ajuda a estimular a introspecção e a meditação, no entanto, o uso exagerado pode deixar esse efeito excessivo, e suas tonalidades mais fortes, quando mal utilizadas, podem criar um aspecto de ausência de elegância aos locais onde a cor for aplicada.

 

O laranja é a mistura do vermelho com o amarelo, por essa razão é considerada uma cor estimulante e que gera reações físicas e emocionais. Também é uma cor que oferece conforto físico e também a diversão e sensualidade. Por este motivo, o ideal é ser usado em dosagens calculadas e em associação com as cores corretas, para não sugerir falta de conteúdo ou seriedade.

 

A cor rosa, que largamente empregada na decoração de quartos de meninas, também é uma derivação do vermelho. Trata-se de uma cor que afeta fisicamente as pessoas, no entanto, de uma maneira menos estimulante e / ou agressiva do que o seu antecessor. Ainda assim é importante não utilizá-lo em excesso, para não deixar o ambiente cansativo. O rosa representa o princípio feminino e a sobrevivência das espécies, por isso, é uma cor essencialmente acolhedora e reconfortante.


 

O cinza, que está em alta, é uma cor que não interfere diretamente nos sentidos, embora algumas pessoas o associem a certos aspectos negativos. Quando usado sozinho, pode gerar certa monotonia, mas quando em conjunto com cores mais fortes tende a amenizar seus efeitos.